Cinco dicas para que pequenas e médias empresas tenham sucesso na Black Friday e na Cyber Monday

12 de outubro de 2021 | Por: Matt Miller, Redator sênior

Com os maiores dias de compras do ano se aproximando, empresas de todos os tamanhos têm se preparado para aproveitar ao máximo a Black Friday e a Cyber Monday (BFCM). Além disso, nos últimos anos, os consumidores têm feito cada vez mais compras de festas de fim de ano em pequenas e médias empresas (PMEs). Em 2020, as empresas independentes que vendem na Amazon (quase todas eram pequenas e médias empresas) ultrapassaram US$ 4,8 bilhões em vendas mundiais da Black Friday à Cyber Monday, um aumento de mais de 60% em relação a 2019.1 Durante a temporada de compras de fim de ano de 2020, as pequenas e médias empresas americanas venderam em média 9.500 produtos por minuto na Amazon.2 Quer se trate de roupas, joias, beleza, brinquedos, suprimentos para animais de estimação, produtos artesanais ou outros produtos, as pequenas e médias empresas podem impulsionar as vendas durante datas festivas na Amazon.

Mas que medidas as PMEs podem tomar para maximizar seu sucesso durante a Black Friday e a Cyber Monday? Falamos com Michelle Meleskie, uma profissional de marketing de produtos da Perpetua (que fornece otimização de publicidade e relatórios para produtos da Amazon Ads), para conhecer algumas dicas sobre o que as pequenas e médias empresas podem fazer para prosperar durante o importante período das datas festivas.

Grandes eventos de compras exigem orçamentos maiores

A Cyber Monday 2020 marcou o maior dia de compras online da história dos EUA, contando com US$ 10,8 bilhões em vendas. De acordo com a Forbes, um aumento de 15,1% a cada ano. Segundo Meleskie, durante esse período, “a coisa mais importante que você pode fazer é aumentar os orçamentos das suas campanhas publicitárias”.

Durante a Black Friday e a Cyber Monday, a Perpetua vê os gastos quase a triplicarem em todos os seus anunciantes. “Se você não tiver um orçamento maior, suas campanhas ficarão negativas e você perderá tráfego”, disse Meleskie. “Isso é extremamente importante já que, ao longo do dia, à medida que as campanhas de outros anunciantes tornam-se negativas, os custos por cliques diminuem.”

Meleskie disse que, em média, a Perpetua acredita que os anunciantes triplicarão o orçamento, mas os gastos poderão aumentar mais ou menos dependendo da categoria específica da PME.

Garanta que seus anúncios tenham tudo que os clientes precisam

A Amazon Ads sempre recomenda que as marcas mantenham a qualidade das informações sobre o produto e as páginas de detalhes. De acordo com Meleskie, isso é especialmente importante durante eventos de compras como a Black Friday e a Cyber Monday, quando as impressões podem ser maiores, mas as taxas de cliques podem ser mais baixas do que o normal. Ou seja, a Perpetua observou que, durante a BFCM, os compradores estão menos propensos a clicar em um anúncio, mas mais propensos a converter quando clicam. Por esse motivo, as marcas precisam criar seus anúncios para oferecer aos compradores as informações que eles estão buscando. Use um título informativo e fácil de ler que apresente rapidamente os principais fatos aos compradores. Apresente imagens de alta qualidade. Escolha produtos com avaliações positivas de clientes. Além disso, garanta que seus produtos estejam em estoque e tenham preços razoáveis.

Se seu orçamento for limitado, priorize a Cyber Monday

Algumas PMEs podem não ter orçamento para triplicar os gastos com publicidade durante a Black Friday e a Cyber Monday. Tudo bem. Há outras formas flexíveis de gerenciar custos durante esses grandes eventos de compras.

Para as marcas que trabalham com um orçamento limitado, Meleskie sugeriu priorizar os gastos na Cyber Monday. “Embora vejamos aumentos significativos nas vendas durante a Black Friday e a Cyber Monday, a Cyber Monday normalmente tem uma taxa de conversão muito maior”, afirmou Meleskie.

A Perpetua observou que os compradores geralmente aguardam para ver se produtos específicos estarão à venda durante esses grandes eventos de compras. No dia da Cyber Monday, disse Meleskie, os compradores estão mais propensos a comprar um desses itens, mesmo que não esteja à venda, já que o item provavelmente não estará à venda tão cedo. “Se você tem um orçamento de publicidade limitado ou não consegue competir com preços com descontos significativos, invista mais dinheiro de publicidade na Cyber Monday do que na Black Friday”, disse Meleskie.

Na verdade, a Perpetua vê as PMEs gerarem mais vendas na Cyber Monday do que na Black Friday.

Faça uma pausa no dia seguinte à Cyber Monday

Depois de toda a empolgação da Black Friday e da Cyber Monday, a Perpetua observou que os compradores também precisavam de fazer uma pausa. De acordo com Meleskie, no dia seguinte à Cyber Monday, as taxas de custo por clique são altas, as taxas de conversão são diminuídas e o custo de publicidade das vendas (ACOS) é mais alto do que o normal. As marcas podem considerar a realocação do dinheiro do dia seguinte à Cyber Monday para campanhas reais de eventos de compras. “Se precisar reorganizar o orçamento para aumentá-lo para este evento de compras, comece no dia seguinte à Cyber Monday”, sugeriu Meleskie. Ela também recomenda que todas as marcas que aumentarem os gastos com publicidade durante o evento de compras se lembrem de reduzi-los após a Cyber Monday.

Reconecte-se com compradores durante o restante da temporada

No entanto, a jornada de compras não termina depois da Black Friday. Uma pesquisa recente da Amazon Ads/Kantar descobriu que 67% das pessoas que compram durante as datas festivas não concluirão suas compras até que a Black Friday e a Cyber Monday terminem.3 Afinal, a temporada de datas festivas ainda conta com mais algumas semanas. Meleskie sugere que as PMEs usem ferramentas como Sponsored Display e Amazon DSP para fazer remarketing para públicos-alvo que podem ter visto as páginas de exibição dos produtos, mas não fizeram compras durante a Black Friday ou a Cyber Monday.

As pequenas e médias empresas não devem se sentir intimidadas pelos maiores dias de compras do ano. Na verdade, a Black Friday e a Cyber Monday provaram ser eventos de datas festivas em que as pequenas e médias empresas podem alcançar grandes resultados. Com algumas estratégias inteligentes, esta pode ser outra temporada recorde de datas festivas para pequenas e médias empresas.

1 “Apoiar pequenas empresas, economizar muito e fazer compras antecipadamente: Os clientes da Amazon tornaram a temporada de datas festivas de 2020 a maior de todas até agora”, AboutAmazon.com, 2020.
2 “Apoiar pequenas empresas, economizar muito e fazer compras cedo: Os clientes da Amazon tornaram a temporada de datas festivas de 2020 a maior de todas até agora”, AboutAmazon.com, 2020.
3 Pesquisa Quickfire da Kantar nos EUA 500 participantes que fizeram compras durante a temporada de datas festivas do 4º trimestre de 2019/2020 e planejam fazê-lo em 2021.